Guarani pretende renovar contrato com Renan


O goleiro, criticado pela torcida nos últimos jogos, está ligado ao Corinthians, que detém seus direitos federativos


25/04/2013 - 21h02 | Carlos Rodrigues
carlos.rodrigues@rac.com.br


Foto: Rodrigo Zanotto/Especial para AAN
Renan tem a maior parte do salário paga pelo Corinthians
Renan tem a maior parte do salário paga pelo Corinthians

O Guarani vive a expectativa de definir o nome de seu treinador o quanto antes, mas a preocupação com o elenco também já existe. E um dos setores indefinidos é o gol. Dono da posição na reta final do Campeonato Paulista, Renan terá seu contrato de empréstimo encerrado no dia 20 de maio. A diretoria bugrina mostra interesse na renovação, mas terá que convencer o Corinthians, dono de seus direitos. Além dele, o reserva Léo também tem vínculo com o clube próximo do fim. Assim, apenas Juliano está, atualmente, garantido para a disputa da Série C.

Muito cobrado pelos torcedores nos jogos finais do Campeonato Paulista, principalmente na última partida, quando falhou em um dos gols do União Barbarense, Renan já manifestou publicamente o desejo de permanecer para o Brasileiro. O Bugre também demonstra vontade em contar com o atleta, mas a renovação depende do Corinthians, que detém seus direitos até 2016 e paga a maior parte de seus salários. "Há um interesse, mas tudo vai depender da negociação com o Corinthians e da conversa que vamos ter com o jogador. Nesse momento, eu diria que todos os atletas podem ser aproveitados", afirma Rogério Giardini, diretor de futebol.

A situação de Léo é diferente. Apesar de ser prata da casa, o goleiro é muito pouco utilizado pelos treinadores que passaram pelo Guarani. Nos últimos cinco anos, foram apenas 11 partidas disputadas e uma proposta de outro clube pode fazer com que seu ciclo no Brinco de Ouro chegue ao fim. A única garantia é de Juliano. Embora tenha sondagens seguidas do CRB, seu contrato vai até 2015 e isso deve pesar para sua permanência.

As negociações, no entanto, só devem ser iniciadas no início da próxima semana. "Ainda não conversamos porque estamos focados na contratação do treinador. Na terça-feira (30/04), todos os jogadores se reapresentarão e iremos tratar especificamente do assunto. Estamos correndo para fechar com um técnico para, em seguida, trabalhar a questão dos jogadores", explica o dirigente.



Comente
Nome:      E-mail:  
Cidade:      Profissão:  
   Não divulgar meu email
Comentário:
Quantidade de toques disponíveis: 500


Comentários
  • Em 26/04 as 19h07 por:JAMAIS RETORNARÃO
    Como ponte pretano, pergunto aos bugrinos..." O que mudou no discurso do Giardini, em relação aos outros diretores que assumiram o futebol do time de vocês"? Ao meu ver, é a mesma ladainha de sempre, ou seja, NADA. Ah! e como bom ponte pretano que sou, estou lançandoa campanha " FICA RENAN "... KKKKKKK
  • Em 26/04 as 17h00 por:Realmente...
    Nada está tão ruim que não possa piorar! ...Tá ruim mais os Ratos não largam o osso (Digo Queijo)... Por que será??
  • Em 26/04 as 11h21 por:donozur
    fraco e limitado,é preferivel deixar o Juliano que é prata da casa!
  • Em 26/04 as 09h26 por:Vilas
    Tudo continuara como antes no quartel de Abrantes. Parece que tem um virus, alguma maldição ou qualquer outra coisa que ataca os cerebro dos dirigentes do meu Bugre. Sai um entra outro e continuamos no atoleiro . Fica esse frangueiro e titular, lógico! Meu Deus!Quem mais o Mica? Ah, o Tinoco aquele que fala fala, mas e futebol paulista.... Esse foi embora com o Zini, que milagre!