OFICIAL

CBF confirma que Felipão está fora da Seleção

Marin elogiou o trabalho do técnico na reconquista do orgulho dos torcedores em relação ao time canarinho

14/07/2014 - 19h04 - Atualizado em 14/07/2014 - 19h04 | Agência Estado
faleconosco@rac.com.br


Foto: France Press
Após o jogo contra a Holanda, Felipão havia entregado seu cargo durante a entrevista coletiva
Após o jogo contra a Holanda, Felipão havia entregado seu cargo durante a entrevista coletiva

A CBF oficializou, nesta segunda-feira (14), a saída de Luiz Felipe Scolari do comando da seleção brasileira, dois dias depois da despedida do time da Copa do Mundo, com a derrota para a Holanda por 3 a 0, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. O presidente da entidade, José Maria Marin, marcou entrevista coletiva para a quinta-feira (17), mas não indicou se fará o anúncio do novo treinador da seleção nessa data.

Felipão havia entregado seu cargo após este jogo durante a entrevista coletiva. Pelo acerto que tinha com a CBF, seu trabalho se encerraria ao fim da Copa, o que aconteceu na disputa pelo terceiro lugar, contra os holandeses. Abatido pelo revés e ainda pela goleada de 7 a 1 sofrida diante da Alemanha, o técnico não manifestara interesse em seguir no comando da seleção.

Marin chegou a cogitar sua permanência depois do 7 a 1, mas o novo revés, contra a Holanda, o fez mudar de ideia. A demissão fora anunciada inicialmente pela TV Globo na noite de domingo (13). A confirmação, porém, só veio na tarde desta segunda, um dia após o fim da Copa.

Felipão encerra seu segundo ciclo na seleção abatido pelas duas derrotas de impacto sofridas na semifinal e na disputa do terceiro lugar. A seleção levou dez gols nas duas partidas e sofreu a pior derrota de sua história contra os alemães, que vieram a ficar com o título.

Junto do treinador, vão deixar a seleção os demais membros da comissão técnica, inclusive o coordenador técnico Carlos Alberto Parreira e o auxiliar-técnico Flávio Murtosa. Este grupo assumiu o time nacional no fim de 2012 com o discurso de que a seleção era a grande favorita ao título neste ano.

Ao confirmar a saída de Felipão, Marin teceu elogios ao treinador. "O Scolari e toda a sua comissão técnica merecem o nosso respeito e agradecimento. Eles foram responsáveis por devolver ao povo brasileiro o seu amor pela seleção, mesmo não tendo conseguido o nosso objetivo maior", disse o dirigente, que aceitou o pedido de demissão do técnico.

Sem citar a goleada de 7 a 1, o presidente da CBF elogiou o trabalho de Felipão na reconquista do orgulho dos torcedores em relação à seleção. "Vimos nas ruas o povo vestido de verde-amarelo, exibindo a Bandeira Nacional com orgulho e mostrando sua paixão pela seleção brasileira como há muito tempo não acontecia. Claro que essa comissão técnica e esses jogadores contribuíram decisivamente para que esse sentimento voltasse. A todos eles, portanto, o nosso renovado agradecimento".

Marin ainda marcou uma entrevista coletiva para às 11 horas da próxima quinta, na sede da CBF, no Rio de Janeiro. Ele não especificou quais temas serão abordados na entrevista, mas espera-se que anuncie o nome do novo treinador da seleção.






Pos Time PG
1 Cruzeiro 56
2 Internacional 47
3 São Paulo 46
4 Atlético-MG 43
CLASSIFICAÇÃO COMPLETA
cadastre-se e continue lendo
Este é o seu 5º acesso ao site do Correio Popular
neste mês. Para dar continuidade a suas leituras,
cadastre-se gratuitamente agora. É fácil e rápido,
basta clicar em "quero me cadastrar". Ou se preferir,
faça a sua assinatura e garanta seu acesso sem
restrições.

cadastre-se e continue lendo
cadastre-se e continue lendo
cadastre-se e continue lendo
Saiba mais.
Cadastre-se e continue tendo acesso ao melhor
e mais completo contéudo da RMC.
* NOME:
* SOBRENOME:
* E-MAIL:
TELEFONE:
CIDADE:
* SENHA:
* REPETIR SENHA:

* Campos obrigatórios


É importante que os dados a seguir sejam verdadeiros, pois antes de continuar a leitura
você deverá confirmar o cadastro através de um link que enviaremos no endereço de e-mail
preenchido. Sem essa confirmação você não conseguirá seguir a leitura. Caso tenha conta
no facebook basta clicar "cadastre-se com o facebook"

Quero receber notícias e comunicações do Correio Popular