ZEZA AMARAL

A mansão da Nega Véia


04/11/2014 - 07h00 - Atualizado em 03/11/2014 - 23h36 |

0Leio no site pontepretano.com.br, o seguinte: “O complexo da Arena está inicialmente estipulado em R$ 110 milhões. Os recursos para bancar a construção sairão da venda do Majestoso e também do aporte de investidores. A negociação do Moisés Lucarelli com a Gafisa está orçada em R$ 70 milhões. O pagamento será efetuado em até 14 parcelas. O valor pode ser repassado diretamente para a Contern Construtura, nova parceira do clube na construção da Arena, em substituição a (sic) Odebrecht”.

Trocando em miúdos, Nega Véia, vão vender a nossa casa para construir uma mansão onde vamos morar numa edícula de fundo de quintal. Só se for sobre o meu cadáver, devo dizer.

A cartolagem interessada em grana pode fazer o que quiser para ganhar dinheiro, é certo, visto que vivemos em um país de capitalismo ignorante, que não presta atenção na história do povo, nos seus prédios, nos seus jardins, nas suas praças, como se todos os homens fizessem da sua vida um rosário de dólares, euros e reais. E a vida não é assim: muitos homens gostam de preservar suas lembranças de infância, suas paisagens arquitetônicas, as histórias contadas pelos seus pais e avôs.

Muito me admira Sérgio Carnielli, homem empreendedor, é vero, não mais se lembrar do velho Taquaral que vivemos em nossa infância, e muito mais me admira não saber que o Estádio do Majestoso foi o único construído, no mundo, pelas mãos de seus torcedores. Não sei o que move o coração do colega de infância, se uma falta de sensibilidade para com as coisas que realmente importam na vida, a velha agenda que cada um carrega consigo, e a minha jamais se apartou de mim, a respeito de preservar nossas paisagens humanas, arquitetônicas e imateriais.

Quando adentro ao Majestoso, faço reverência aos velhos amantes pontepretanos que ergueram a sua casa, Nega Véia. Ela pode ser acanhada, mas, jamais, deixou de nos abrigar.

Essa cartolagem é espúria à história pontepretana. Apenas deseja construir uma pequena catedral para inscrever um nome bastardo na árvore genealógica da nossa família, Nega Véia. E nós que somos apenas amantes e filhos de sua história não vamos admitir que um único tijolo pontepretano seja derrubado do Majestoso. Tenho braços, pernas, carnes, vísceras e uma arquibancada dentro de mim. Tenho memória e emoções naquele cimento duro e áspero. Nunca reclamei. Nunca me senti ofendido em sua casa, Nega Véia. São eles, os ímpios, que, pelo visto, se sentem ofendidos. E eles não sabem, Nega Véia, que você já vive em uma mansão: no coração de cada pontepretano.

E devo dizer: eles não passarão.


Bom dia.









Pos Time PG
1 Cruzeiro 77
2 São Paulo 70
3 Internacional 66
4 Corinthians 66
CLASSIFICAÇÃO COMPLETA
cadastre-se e continue lendo
Este é o seu 5º acesso ao site do Correio Popular
neste mês. Para dar continuidade a suas leituras,
cadastre-se gratuitamente agora. É fácil e rápido,
basta clicar em "quero me cadastrar". Ou se preferir,
faça a sua assinatura e garanta seu acesso sem
restrições.

cadastre-se e continue lendo
cadastre-se e continue lendo
cadastre-se e continue lendo
Saiba mais.
Cadastre-se e continue tendo acesso ao melhor
e mais completo contéudo da RMC.
* NOME:
* SOBRENOME:
* E-MAIL:
TELEFONE:
CIDADE:
* SENHA:
* REPETIR SENHA:

* Campos obrigatórios


É importante que os dados a seguir sejam verdadeiros, pois antes de continuar a leitura
você deverá confirmar o cadastro através de um link que enviaremos no endereço de e-mail
preenchido. Sem essa confirmação você não conseguirá seguir a leitura. Caso tenha conta
no facebook basta clicar "cadastre-se com o facebook"

Quero receber notícias e comunicações do Correio Popular