Entre os carros, brasileiros despencam na classificação


Guilherme Spinelli e Youssef Haddad erram o caminho e sofrem com problemas mecânicos em sua Mitsubishi


06/01/2015 - 21h20 - Atualizado em 06/01/2015 - 21h26 | Agência Estado
faleconosco@rac.com.br



Foto: France Press
O catariano Nasser Al-Attiya é o líder do Rally Dakar entre os carros
O catariano Nasser Al-Attiya é o líder do Rally Dakar entre os carros
Só um milagre pode garantir agora um bom resultado para o Brasil entre os carros no Rally Dakar. Nesta terça-feira (6), no terceiro dia da mais tradicional prova de rali do mundo, o brasileiro Guilherme Spinelli errou o caminho e sofreu com problemas mecânicos na sua Mitsubishi. Assim, a dupla que forma com o navegador Youssef Haddad despencou para o 31.º lugar, a mais de duas horas e meia dos primeiros colocados.

"Faltando 120 km, quebrou o pivô da suspensão dianteira. Demoramos para fazer o reparo e seguimos com cautela redobrada", contou Spinelli. "Foi uma sucessão de infelicidades. Também furamos um pneu e passamos uma das entradas, perdendo tempo para achar o caminho correto. Logo depois tivemos o problema na suspensão. O parafuso também quebrou e tivemos que tirar toda a bandeja para fazer o reparo", relata Youssef.

Com quase 12 horas de prova, os brasileiros têm 2h38min de distância para o líder Nasser Al-Attiyah (Catar), campeão de 2011. O catariano da Mini foi o quinto colocado do trecho desta terça, entre San Juan e Chilecito, na Argentina, mas ainda tem 4min18s de folga para o sul-africano Ginel de Villiers. O argentino Orlando Terranova foi o melhor da etapa e agora é o terceiro, a 18 minutos de Al-Attiyah.

Entre as motos, o líder segue sendo o espanhol Joan Barreda Bort da Honda, depois de 9h43min de prova. Ele é seguido pelo seu parceiro de equipe, o português Paulo Gonçalves, pouco mais de cinco minutos atrás. O austríaco Matthias Walkner venceu a etapa e, em seu primeiro Dakar, já é o terceiro.

Um dos favoritos entre as motos, o espanhol Marc Coma, atual campeão, ganhou duas posições e agora é o quarto, a 10min50s do líder. Seguem sendo quatro espanhóis e três portugueses entre os 10 primeiros. Jean Azevedo é o 30.º colocado, caindo mais duas posições com relação à segunda-feira (5).

Nesta quarta-feira (7), na quarta etapa do Rally, os pilotos vão cruzar a fronteira entre a Argentina e o Chile. Farão um deslocamento de 594km para uma especial cronometrada, já no Chile, de 315km. Passarão pelo deserto do Atacama para chegar a Copiapó, percorrendo um total de 909km.




cadastre-se e continue lendo
Este é o seu 5º acesso ao site do Correio Popular
neste mês. Para dar continuidade a suas leituras,
cadastre-se gratuitamente agora. É fácil e rápido,
basta clicar em "quero me cadastrar". Ou se preferir,
faça a sua assinatura e garanta seu acesso sem
restrições.

cadastre-se e continue lendo
cadastre-se e continue lendo
cadastre-se e continue lendo
Saiba mais.
Cadastre-se e continue tendo acesso ao melhor
e mais completo contéudo da RMC.
* NOME:
* SOBRENOME:
* E-MAIL:
TELEFONE:
CIDADE:
* SENHA:
* REPETIR SENHA:

* Campos obrigatórios


É importante que os dados a seguir sejam verdadeiros, pois antes de continuar a leitura
você deverá confirmar o cadastro através de um link que enviaremos no endereço de e-mail
preenchido. Sem essa confirmação você não conseguirá seguir a leitura. Caso tenha conta
no facebook basta clicar "cadastre-se com o facebook"

Quero receber notícias e comunicações do Correio Popular