Guarani inicia a luta pelo acesso ao Paulistão


Com um time reformulado, Bugre joga, neste sábado, às 17h, no Brinco de Ouro, contra o Monte Azul


30/01/2015 - 23h10 - Atualizado em 30/01/2015 - 23h15 | Carlos Rodrigues
carlos.rodrigues@rac.com.br



Foto: Camila Moreira/AAN
O atacante Nunes é um dos jogadores experientes contratados para liderar o elenco bugrino na Série A2
O atacante Nunes é um dos jogadores experientes contratados para liderar o elenco bugrino na Série A2
Renovado, motivado, mas também bastante pressionado, o Guarani começa neste sábado (31) a busca pelo retorno à elite do Campeonato Paulista. A estreia do Bugre na Série A2 é contra o Monte Azul, às 17h, no Estádio Brinco de Ouro. Será o primeiro dos 19 desafios do alviverde em busca do acesso. Depois de fracassar no ano passado, quando terminou na modesta 13ª colocação, o clube sabe que não pode deixar a oportunidade passar desta vez. Por isso, se apoia em planejamento e trabalho para atingir seus objetivos.
 
Apesar das várias mudanças — o elenco passou por grande reformulação e 18 jogadores foram contratados —, duas peças consideradas fundamentais seguem no Bugre. Uma delas é o técnico Marcelo Veiga. Depois de dirigir o time nas últimas três rodadas da Série C, o comandante foi mantido e teve a oportunidade de conduzir toda a preparação do grupo, que se reapresentou em 17 de novembro.
 
Tempo suficiente para que ele implementasse suas filosofias. "Pegamos um clube praticamente sem nada e agora temos um parâmetro do que queremos para o Guarani. Espero que as coisas aconteçam de maneira positiva para conquistarmos confiança e credibilidade", afirma.
 
A outra referência estará em campo. Artilheiro do time em 2014 e um dos únicos a se salvar em uma temporada melancólica, o meia Fumagalli segue como destaque.
 
Dessa vez, no entanto, tem parceiros à altura para ajudar. Uma das preocupações na montagem do elenco foi encontrar atletas que pudessem chamar a responsabilidade.
 
E é nesse perfil que se encaixam o goleiro Neneca, o zagueiro Preto Costa, o lateral-direito Oziel e o atacante Nunes, todos eles titulares na partida deste sábado.
 
"A qualidade faz diferença e esses jogadores sabem disso. Eles sabem assimilar o peso que é vestir a camisa do Guarani e, por isso, é importante tê-los no time", explica Veiga.
 
Esses pilares também serão importantes para amenizar o peso em cima do time. A cobrança pelo acesso começou faz tempo e será lembrada a cada jogo. Isso, no entanto, não tira o sono dos jogadores bugrinos. "A gente sabe da obrigação que tem no campeonato e não há outra coisa a fazer que não seja subir o Guarani. Mas estamos tranquilos e trabalhando forte em todos os aspectos para fazer o nosso melhor", lembra o zagueiro Rafael Caldeira.
 
Para o jogo de estreia, Marcelo Veiga manterá a base que disputou a maioria dos jogos-treino. O esquema adotado será o mesmo, com a formação no 4-2-3-1. A única dúvida é pela utilização de Thiago Cristian ou Coppetti no meio-campo.
 
FUTEBOL DE RESULTADOS
 
Atuações vistosas, goleadas e bom futebol nunca fizeram parte do perfil dos times comandados por Marcelo Veiga. Adepto da forte marcação, saída rápida para o ataque e eficiência, ele não espera que o Guarani 'nade de braçadas' durante a Série A2. Apesar da tradição do Bugre, que naturalmente surge como um dos principais candidatos ao acesso, o treinador sabe das dificuldades do torneio e garante que o que interessa são os resultados.
 
Questionado sobre qual o nível de exigência do time na estreia, o treinador é taxativo. "Resultado. Quero ganhar o jogo de meio a zero. A bola só tem que passar da linha do gol, nem precisa bater na rede", afirma. "Evidente que estou em uma agremiação com história, camisa e sedenta por bons resultados. Então temos que ganhar. De que maneira? Com inteligência e capacidade", completa.
 
O vencer da forma que for possível faz parte da filosofia que Veiga tenta implantar em seus jogadores. Contra adversários que vão querer tirar pontos do Guarani a todo custo e em um torneio com nível técnico mais baixo, as atuações ficam em segundo plano. "Nem sempre vai dar para ganhar e jogar bonito. Podemos ganhar e não agradar a todos. É isso que vai nos levar ao acesso. Com o tempo, poderemos evoluir e as vitórias vão nos trazer tranquilidade e dar satisfação ao torcedor", avalia.
 
"Cada jogo será uma decisão. Da estreia à última rodada, todos valem acesso. E é por isso que precisamos ter pés no chão para saber que a cada partida teremos uma dificuldade."
 
MONTE AZUL
 
O adversário do Guarani viveu situação complicada durante a preparação para a Série A2. Com problemas financeiros, o Monte Azul se reforçou pouco e contará com vários atletas da base. "Nós começamos tardiamente nossos trabalhos, não conseguimos fazer nenhum jogo-treino, mas temos a expectativa que o conjunto realize um bom campeonato", afirma o técnico Eberson Serralheiro.

BAIXAS
 
Cinco dos reforços do Guarani não estarão à disposição neste sábado. O zagueiro Thiago Gasparetto e o volante Cambará estão se recondicionando fisicamente, enquanto o volante Éder Silva e os atacantes Malaquias e Luiz Ricardo não foram inscritos a tempo para disputarem a estreia.

TÍTULO
 
Embora estar entre os quatro que vão conseguir o acesso seja o principal objetivo do Guarani, o título também é algo a ser alcançado. Isso porque o campeão da Série A2 garante vaga na Copa do Brasil do ano que vem, competição que o Bugre não disputa em 2015.




cadastre-se e continue lendo
Este é o seu 5º acesso ao site do Correio Popular
neste mês. Para dar continuidade a suas leituras,
cadastre-se gratuitamente agora. É fácil e rápido,
basta clicar em "quero me cadastrar". Ou se preferir,
faça a sua assinatura e garanta seu acesso sem
restrições.

cadastre-se e continue lendo
cadastre-se e continue lendo
cadastre-se e continue lendo
Saiba mais.
Cadastre-se e continue tendo acesso ao melhor
e mais completo contéudo da RMC.
* NOME:
* SOBRENOME:
* E-MAIL:
TELEFONE:
CIDADE:
* SENHA:
* REPETIR SENHA:

* Campos obrigatórios


É importante que os dados a seguir sejam verdadeiros, pois antes de continuar a leitura
você deverá confirmar o cadastro através de um link que enviaremos no endereço de e-mail
preenchido. Sem essa confirmação você não conseguirá seguir a leitura. Caso tenha conta
no facebook basta clicar "cadastre-se com o facebook"

Quero receber notícias e comunicações do Correio Popular